quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Não sinto falta...


Olhando algumas fotografias e pela primeira vez não sinto mais falta das pessoas que estão ali. Parece-me que elas não são mais tão essenciais assim. Me pego tentando me apegar novamente a elas, para não parecer como uma traidora que usou as pessoas e não precisa mais delas, porém por mais que eu tente não consigo mais sentir falta delas. Não que eu não goste mais dessas pessoas, simplesmente escolhi rumos em que elas não estão tão presentes, aprendi a conviver com outras pessoas, descobri coisas novas, não foram somente alegrias, mas enfim as coisas mudaram e por incrível que pareça, mesmo que eu não perceba, eu mudei um pouco. Os meus sonhos mudaram, não porque eu mudei muito, por que alguns deles foram concretizados e outros não deram certos, afinal só se pode parar de sonhar se estiver morto. Quanto às pessoas que eu não sinto mais falta tanto quanto antes, são aquelas que eu gostaria de encontrar numa tarde ensolarada  de domingo, convidar para tomar um sorvete e conta o que tem acontecido na minha vida e escutar o que elas tem a dizer da vida delas, nos despedir prometendo que não vamos abandonar nossos sonhos e já pensando num novo encontro. Não é porque eu não sinto mais falta que elas deixaram de ser importante para mim...

7 comentários:

Anny Diniz disse...

flor, vi no blog da Iasmin que você queria ver o layout de premio do concurso mega blog, mas o layout não está pronto, decidimos que seria melhor deixar pro vencedor ver com a Mia como queria (:
mas se quiser ver um dos layouts dela é só olhar o meu, foi ela quem fez (:
e se puder se inscreve no concurso lá no meu blog (:

http://leideanediniz.blogspot.com :*

Lucas Ribeiro disse...

Ótimo Blog...
Gostei pra caramba...
Seguindo...

http://www.skinnysfromhell.co.cc/

Djoni Filho disse...

Eu também estou passando por isso. Antes olhava fotos na internet ou no album mesmo, e sentia falta daqueles clássicos amigos da infancia. Ate cheguei a procurar alguns, tentar uma amizade. Depois eu aprendi que o tempo passou, e as pessoas mudam também, e o calor humano se modifica. Ja nao sinto mais falta daquelas almas vazias que compoem as fotos. Abraços

-----
Confira: Blogueiros e seus comentários
http://pactodevida.blogspot.com/2011/12/blogueiros-e-seus-comentarios.html

JEANN DFL disse...

...as pessoas falam sobre corações grandes onde cabem todos, mas isso não é verdade! O Coração tem vagas limitadas... pense se formos ficar lamentado a falta de todas as pessoas q passaram por nossa vida! As que estão agora ao nosso lado é q merecem a maior atenção, certo q há aqueles q serão inesquecíveis... mas saudade tb tem prazo de validade!!!!

Marcus Alencar disse...

O seu post é muito interessante e sincero. Gostei muito do que você disse e acho que não só você como muita gente sente ou já passou (ou está passando) por isso e chegando a essa conclusão de pensamento. E agora gostei mais ainda de ter tido seu comentário no meu post mais recente pois percebo que os nossos tem tudo a ver um com o outro. Não acha?

Ah, isso me lembra algo que disse: a vida está em constante movimente e transformação. A gente tá sempre seguindo em frente. Nunca estamos realmente parados até porque tudo vai se transformando, inclusive a gente.

beijos, obrigado pela visita e comentário. Parabéns pelo post bem escrito, sincero e interessante.

Luana Pagung disse...

A vida é assim, a gente muda (ou as pessoas a nossa volta mudam) e algumas coisas e pessoas tomam outros significados, feliz somos nós que podemos escolher nos afastar ou tentar. (:
*Adorei a foto do anime. *-*

p.s: Sobre a pergunta que me fez a um tempo atrás lá no blog (desculpe a demora em responder, querida.), eu estou no 4º Período de Psicologia. (:

Mika_Komesu disse...

gostei imensamente dos seus textos... Eu tb gosto muito de escrever, o meu blog está disponível se quiser ler...abraços

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário